Metal Negro união entrevista Obscuri Inferi

Metal negro união tem o prazer de trazer das blasfemicas profundezas do Rio de Janeiro a horda Obscuri Inferi para nós falar um pouco sobre a horda que vem erguendo a bandeira negra com muita honra com suas blasfemias em forma de som !!!

Hellgates(M.N.U) : Para iniciarmos nos fale um pouco da formação atual e a forma de levar um trabalho apenas com 3 guerreiros isso de certa forma não os prejudicam?Antes de ser fundada a Obscuri Inferi a horda se chamava Infernal Souls você poderia nós dizer por que a horda não deu certo e nós relatar por que muitas hordas do cenário nacional começam e não continuam ou passam por varias formações ate que se concretizem,você acha que rola uma certa desunião comente sobre.
Nocturni Inferi: No inicio de 2005, eu e Count Ashtaroth fundamos a horda Infernal Souls, levando um Black Metal cru e ríspido. E convidamos mais duas pessoas, que na época foram Lord Destruction na bateria e Malignus no Baixo. No inicio da horda, todos estavam com total garra e entusiasmo para levar a horda à frente, trabalhando bem nas musicas e letras. Entretanto ao se passar oito meses analisamos que Lord Destruction (Bateria) não estava levando o trabalho á sério, faltando ensaio e não cumprindo com seus devidos deveres na horda, e malignus (baixo) não estava conseguindo acompanhar nos musicalmente. E por essas questões eu e C.Ashtaroth decidimos desativar Infernal Souls e fundar outro projeto, que por via das duvidas foi o Satanic War – War Satanic Black Metal, juntamente com lord destruction (bateria), que depois de alguns meses retorna. Mais a questão é essa, quando a pessoa não da certo da primeira vez, na segunda tentativa será o mesmo problema, ao se passa dez meses, resolvemos tirar Lord Destruction da horda por grandes e problemáticos motivos pessoais e principalmente musicais. Satanic War hoje em dia, esta em repouso, mais breve estará de volta com o lançamento de sua primeira demo.
Ficamos alguns meses desativados de hordas e projetos, mais como não aceitávamos essa derrota de montar uma horda e ela não se concretizar, ai chego à vez, fundamos o Obscuri Inferi que está firme e forte ate hoje, batalhando e passando por cima das dificuldades e vencendo com total honra, pois depois das experiências passadas, não permitimos que acontecesse o maldito problema dito anteriormente.
E a formação atual está sendo, Nocturni Inferi (Vocal/baixo), Occultor (Guitarra) e Count Ashtaroth (Bateria/back vocals), um power trio que não vê nenhuma dificuldade para executar seus desarmônicos insultos as falsas profecias do livro imundo.
Quanto às bandas que começam e não continuam, enfim não concretizam seu trabalho, eu vejo inúmeros fatores para tal acontecimento, como por exemplo: a falta de interesse, fatores pessoais, musicais, ideológicos e ate mesmo financeiro, e por fim a desunião, que querendo ou não há hordas que chegam a passar por essa fase e terminam.


Hellgates(M.N.U) : Bem anteriormente na Infernal Souls vocês blasfemavam em português por q a mudança abordando um novo idioma para os hinos da horda , isso seria melhor para a divulgação da horda nos fale um pouco. Nocturni Inferi: Pois então, o motivo pela mudança de idioma nas letras, foi para conseguir transmitir um amplo entendimento; entre os ouvintes. Pois seja qual for sua nacionalidade o inglês entre qualquer outro idioma lhe oferece uma maior facilidade em ser compreendido e para tradução, por ser uma linguagem mundial.
Hellgates(M.N.U): Anteriormente vocês lançaram a primeira demo intitulada de "Dominium Nocturni", como rolou o processo de gravação desse material , e quais foram as dificuldades ?Nós conte um pouco tambem sobre o EP ´´Maleficarium Capricornus Tropicus´´ ?

Nocturni inferi: Sim em 2007 depois de três meses da fundação da horda, e com a entrada de occultor na guitarra, decidimos gravar a nossa primeira demo Dominium Nocturni contendo cinco hinos, pois vimos que já tínhamos capacidade para isso. O processo de gravação foi simples, gravamos nosso ensaio e depois avaliamos para ver se ficaria bom para ser divulgado, e foi o que aconteceu, duas semanas depois começamos suas divulgações por Internet e shows, e recebendo uma nobre admiração pelos apreciadores do Black Metal Nacional. Maleficarium Capricornus Tropicus seria o nome do EP que recentimente terminamos de gravar, e para o mês que vem será lançado com o titulo certo “The Throne of Satan’s Emperor” contendo quatro fortes hinos.

Hellgates(M.N.U): Como tem se saido a horda, estao se apresentando muito , estao tendo espaço no cenario do Rio e como que o publico vem reagiando? E nos diga um pouco sobre as previsões para a horda de se apresentarem em outros estados .

Nocturni Inferi: No momento não estamos fazendo apresentações, mais já temos em vista futuros convites em minas gerais onde já tocamos e em São Paulo onde futuramente iremos tocar. Obscuri Inferi fez apenas três apresentações, isso por que há muitos convites que não se concretizam, e estamos com o seguinte critério perante os convites para tocarmos em eventos etc, só aceitamos quanto vemos que o suposto convite é realmente sério, pois não estamos para brincadeiras e queremos levar tudo na integra.


Hellgates(M.N.U): Vocês divulgaram o Cd no exterior? Como tem sido as relações do Obscuri Inferi lá fora? Nocturni Inferi: Temos contato com amigos, bandas e produtores no exterior através da Internet, onde nosso som já está sendo divulgado para os ouvintes que apreciam o Brazilian Black metal e o BM mundial.

Hellgates(M.N.U): Além do Obscuri Inferi você tem um projeto chamado Diabolical Forest, nos fale um pouco desse trabalho?
Nocturni Inferi: Eu montei esse projeto one man band quando o Satanic War acabou, pois mesmo sem horda eu não queria parar de tocar e deixar a chama negra se apagar.
Diabolical Forest relata temas anticristãos, natureza, misantropia, suicídio e adoração as artes diabólicas. Ainda não foi lançado nenhuma demo, pois estou dando uma maior atenção ao Obscuri Inferi, mais para julho irei começar a trabalhar nas gravações de uma suposta demo. Cada um de nos da horda possuímos um preojeto paralelo Occultor com o Infernal Pain – Black Metal que já possui musicas gravada. E Count Ashtaroth com o Unholy Land – Old School Black Metal.

Hellgates(M.N.U): No seu ponto de vista como está o cenario negro do RJ e nacional ?Sabemos que Vocês levam um som bem tradicional voltados as raizes ,
Você poderia me dizer quais as principais influencias nacionais e internacionais da horda ?

Occultor: Com certeza existem guerreiros aqui no estado fazendo com que o circulo sepulcral anticristo tenha seu espaço na cena nacional, expelindo toda fúria e total desprezo contra o imundo cristianismo. Nos influenciamos em hordas como: Darkthrone, Celtic Frost, Bathory, Mayhem old, tsjuder e com certeza não deixaríamos de citar o grande bom e velho Sarcófado.
Hellgates(M.N.U): O Obscuri Inferi tem por volta de quatro anos de existência, quais os pontos que a banda percebe que amadureceu? Que tipos de problemas a banda mais enfrentou?
Occultor: Sim com certeza, ao longo desses tempos evoluímos muito. E os problemas enfrentados, ate então foram simples, nada tão preocupante ao ponto de prejudicar a horda.
Hellgates(M.N.U): Que tipo de filosofia a banda se preocupa em expressar nas músicas? Oque você acha de bandas que se preoculpam em som e esquecem as essencias ?
Nocturni Inferi: O intuito da horda é unicamente espalhar todo ódio contra toda escória cristão-judaico com letras que relatam temas Misantrópicos, anticristianismo, Satanismo, ocultismo, e adoração às artes negras. E na minha opinião as bandas que se preocupam mais com o som do que com as temáticas das letras etc, acabam deixando de lado suas ideologias, ideais e pensamentos próprios de lado, pois a atenção tem que ser para ambas as partes, letra e musica.

Hellgates(M.N.U): Finalizações Obrigado por nos conceder a entrevista, boa sorte ao trabalho de vocês que a horda mantenha sempre a gloria e honra do metal negro e destruindo sempre com muito orgulho para os apreciadores do cenario negro underground.Caro guerreiros do OBSCURI INFERI deixe suas considerações finais e agradecimentos a vontade!!!


Obscuri Inferi: Gostaríamos de agradecer o espaço consedido. Ave Lúcifer Rex, Hail Satan

(Entrevista por L.DarkScream)
E TAMBEM APRECIE O MYSPACE DA OBSCURI INFERI:http://www.myspace.com/obscuriinferihorde

OUÇA O SOM DA HORDA:

0 comentários:

Postar um comentário